10 coisas que não te contam sobre o RC Profissional Advogado

Esse post é especialmente destinado a você que trabalha ou pretende trabalhar com o seguro de Responsabilidade Civil Profissional Advogados e Escritórios de Advocacia.

Depois de presenciar vários sinistros negados, preparei uma aula para explicar 10 pontos importantíssimos que ninguém te conta sobre esse seguro:

  1. Perda de uma chance: esse é um dos principais riscos dos advogados e por incrível que pareça algumas seguradoras excluem
  2. Dano moral: algumas seguradoras estipulam alguns requisitos para o segurado ter direito a cobertura de dano moral. Isso pode ser uma surpresa bem desagradável na hora do sinistro
  3. Sócios: os casos mais complexos são acompanhados e trabalhados pelos sócios do escritório, e aqui mais uma pegadinha: algumas seguradoras não incluem os sócios como segurados na apólice do escritório
  4. Estagiários: você sabia que as falhas de estagiários não estão cobertas na apólice do escritório? São raros os produtos que cobrem esse tipo de erro
  5. Advogado correspondente: muitos escritórios contratam advogados em outros estados para realizarem tarefas pontuais. As falhas deles estariam cobertas na apólice? Eles são segurados no seguro do escritório?
  6. Advogados associados: nos escritórios não é comum os advogados serem empregados. Eles são associados ou sócios. E nem todos os produtos utilizam a linguagem correta o que pode causar uma negativa de cobertura no momento do sinistro
  7. Processos pendentes: quando o segurado contrata a primeira apólice ele já estava trabalhando em vários processos de clientes. Se houver algum erro nesses processos haverá cobertura na apólice?
  8. Fatos conhecidos: o que caracteriza um fato conhecido na falha profissional de advogado? Como funciona a regulação de sinistro? Tudo que você precisa saber para utilizar a apólice do jeito correto
  9. Custos de defesa: se o próprio segurado se defender em uma reclamação, ele terá reembolso dos seus honorários pela seguradora?
  10. Exclusões: é necessário ficar atento às atividades do advogado porque algumas delas podem ser riscos excluídos em alguns produtos. Isso será fundamental na decisão de qual seguradora contratar para proteger seu cliente



Clique aqui para contratar o Venda Seguro e acessar imediatamente essa e outras 200 aulas sobre os seguros de responsabilidade

X Congresso Brasileiro de Direito de Seguro e Previdência

No início do próximo mês ocorrerá em Vitória, o X Congresso Brasileiro de Direito de Seguro e Previdência promovido pela AIDA.

Compartilho a programação do evento e link para inscrições.

Participarei do painel de RC, cujo tema abordará: Aspectos relacionados à subscrição, à gestão do risco e à regulação do sinistro nas modalidades de RCG, D&O, E&O, Ambiental, Cibernético e outras.

PROGRAMAÇÃO:

SEXTA-FEIRA – DIA 04 DE MARÇO DE 2016

08:00 – Credenciamento.

09:00 – Abertura.

09:30 às 11:00 – Tema: Os Recursos no Novo Código de Processo Civil

Palestrante: Paulo Henrique dos Santos Lucon – Advogado, Livre Docente, Doutor e Mestre pela Faculdade de Direito da USP.

Debatedor: Bruno Silveira de Oliveira – Juiz de Direito – Tribunal de Justiça do Espírito Santo.

Presidente da Mesa: Luis Felipe Pellon – Advogado e Presidente da Comissão Organizadora do Congresso Mundial da AIDA – Brasil 2018

11:00 às 11:15 – Intervalo.

11:15 às 12:45 – Tema: Saúde Suplementar.

Palestrante: Solange Beatriz Palheiro Mendes – Presidente da FENASAÚDE.

Debatedor: Werson Rego– Desembargador – TJ/RJ.

Presidente da Mesa: Milena Fratin – Presidente do Grupo Nacional de Trabalho de Saúde Suplementar da Seção Brasileira da AIDA.

12:45 às 14:30 – Almoço.

14:30 – 16:30 – Reunião dos Grupos Nacionais de Trabalho da Seção Brasileira da AIDA.

16:30 às 16:45 – Intervalo.

16:45 às 18:15 – Tema: Mediação e Arbitragem.

Palestrante: Dra. Ana Candida Menezes Marcato, Advogada, Mestre em Direito Processual pela Universidade de São Paulo.

Debatedor: Janete Vargas Simões – Desembargadora – TJ/ES.

Presidente da Mesa: Vivien Lys – Presidente do Grupo Nacional de Trabalho de Mediação e Arbitragem da Seção Brasileira da AIDA.

18:15 às 19:30 – Painel sobre Seguro de Responsabilidade Civil.

Aspectos relacionados à subscrição, à gestão do risco e à regulação do sinistro nas modalidades de RCG, D&O, E&O, Ambiental, Cibernético e outras.

Debatedores:

        – Angélica Carlini – Presidente da Seção Brasileira da AIDA.

        – Mauro Leite – Consultor em Seguro e Resseguro.

        – Sheila Garcia – Diretora de Sinistros da Aon Group.

        – Thabata Najdek – Subscritora de Riscos da Allianz Resseguradora.

Mediador: Sergio Ruy Barroso de Mello – Diretor de Relações Internacionais da Seção Brasileira da AIDA e Vice-presidente da AIDA Mundial.

19:30 – Entrega do Prêmio AIDA 2016 e coquetel de lançamento do livro de autoria coletiva com mesa de autógrafo dos autores.

SÁBADO – DIA 05 DE MARÇO DE 2016

08:30 às 10:30 – Reunião dos Grupos Nacionais de Trabalho da Seção Brasileira da AIDA.

10:30 às 10:45 – Intervalo.

10:45 às 12:00 – Tema: Economia Aplicada ao Direito de Seguro.

Palestrante: Luciano Benetti Timm – Advogado, Pós-Doutorado nas áreas de direito internacional e direito comparado.

Debatedor: Washington Luiz Bezerra da Silva – Diretor de Comunicação da Seção Brasileira da AIDA.

Presidente da Mesa: Inaldo Bezerra – 1º Vice-presidente da Seção Brasileira da AIDA.

12:00 às 13:30 – Tema: O Novo Código de Processo Civil.

Palestrante: João Otavio de Noronha – Ministro – STJ.

Debatedor: Samuel Meira Brasil Júnior – Desembargador – TJ/ES.

Presidente da Mesa: Angélica Carlini – Presidente da Seção Brasileira da AIDA.

13:30 – Encerramento do Congresso.

INSCRIÇÕES:

http://www.congressoaida.com.br/valores-por-inscricao

Apresentação

Apresentação

Olá!

Resolvi criar este blog para compartilhar com vocês matérias que são publicadas na impressa que possuem relação com os seguros de linhas financeiras.

Nosso mercado tem crescido bastante ano a ano, mas ainda há um longo caminho a percorrer quando nos comparamos com os mercados americano e europeu. Há vários motivos que nos mantém distantes destes mercados e que nos impede de ter um desenvolvimento securitário mais rápido.

Talvez um deles, seja a dificuldade que os potenciais segurados têm em relacionar a proteção das apólices oferecida pelas Seguradoras ao risco de suas atividades empresariais. Muitos não contratam porque não visualizam o risco, ou pensam que a possibilidade de ocorrência é extremamente remota.

Se prestarmos atenção, frequentemente é noticiado um evento que possivelmente estaria coberto por um dos produtos de linhas financeiras. Há também matérias que apontam situações de risco, as quais poderiam ser mitigadas com uma apólice.

Meu objetivo é justamente este! Fazer a associação entre o risco e o produto, entre o “sinistro” e a cobertura, para facilitar o entendimento e a conscientização da importância de transferir o maior número de riscos da empresa para o mercado segurador.